Páginas

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

SOBRE QUERERES

Não, eu não quero o certo, o correto, o previsto. Não, eu não quero a precisão do destino que protege, que abriga, que nos impede de experimentar. Não, eu não quero a mesma precisão do destino que condena, que pune, que fere. Se for pra me ferir e me machucar que seja por mim mesma. Quero sangrar até a ultima gota. Fazer exposição da minha carne viva. Quero chocar e estremecer. Mas que não seja dito que foi o meu destino e sim que foram minhas escolhas. Eu quero sentir vida em mim, sentir tudo estremecer e ferver. Quero ardência em cada parte do meu corpo e se for preciso me queimar, então que assim seja. Chega de sentar na janela do trem e ver a vida passar como se eu não tivesse nenhum tipo de controle sobre ela.

-=Þëqµëñä Þö놡zä=-

8 comentários:

Patrícia Lage disse...

Coincidência ou não, eu só acredito que é possível desta maneira, sabe?

"Se for pra me ferir e me machucar que seja por mim mesma."

Por incrível que pareça, TUDO que eu faço é por mim. Uma hora eu acerto esse 'por mim' por 'nós'.

E não há culpa em ninguém com isso.

Parabéns. Gostei muito!
Meu beijo.

Rafael Cury disse...

Encontrar um novo texto seu é como ver uma cena bonita pela primeira vez. Que bela poetisa é você, adoro navegar pelas suas palavras.

Beijo
Rafa

Su disse...

É assim que venho me sentindo... quero acabar com essa sensação de que estou vendo a vida passar... e quero poder viver...

bjosss!!!

(marta) disse...

adorei, moça.
tambem quero sagrar cada dor e rir cada riso.
ate a ultima gota de vida.
;*

Bárbarela disse...

Mas que não seja dito que foi o meu destino e sim que foram minhas escolhas.

não culpar ninguem é muito bom e dificil e realemnte é isso sao nossas escolhas!

e naad de ver a vida passar!!


ame gingiolinaa!

Ígor Andrade disse...

Você é humana, moça!
E a Pati, lá em cima, falou por mim.
Abraços!

Darlan disse...

Adorei isso! não me surpreenderia se visse esser texto creditado a algum(a) grande escritor(a) consagrado, Lispecto talvez. E nem é exagero...

Parabéns! Está cada vez melhor. Beijos!

mateo disse...

"Mas que não seja dito que foi o meu destino e sim que foram minhas escolhas."
Creio que até Deus concordará contigo!
Beijos.