Páginas

sábado, 5 de setembro de 2009

DOS MEUS ENGASGOS



Toda pausa engasgada vem junto aquele sentimento de impotência. Pensei em falar tudo o que sentia e simplesmente descarregar todo aquele peso de mim. Mas tinha uma espécie de bolo, um excremento entalado na minha garganta e eu não pronunciei nada. Deixei o vazio. A aparência de um bem estar mal estado.


4 comentários:

Camila disse...

situação assim me deixam desesperada;


bejos

Luísa Soares disse...

um silêncio pode dizer tantas coisas,
principalmente se ao silêncio você deixar suas palavras sairem pelos olhos...

Tato Barba disse...

Oi! Tudo bem contigo?
Espero que sim.
=]

O seu silêncio não fala?
Eu aposto que sim.

Até!

Kika disse...

Esta situação é realmente terrível.
Já passei mt por isso, e acho que ainda vou passar mtas vezes.
Infelizmente faz parte da minha vida.

* Tem selinho pra vc no meu blog.

Bjss