Páginas

domingo, 1 de março de 2009

DE QUANDO SE É CRIANÇA

Ás vezes me bate essa louca vontade de voltar a ser criança. Só porque quando eu era uma, acreditava que o mundo que pintava era real. Então em dias nebulosos bastavam papel e lápis de cor na mão e o dia mudava de cor. Simples assim.

-=Þëqµëñä Þö놡zä=-

10 comentários:

Boo disse...

eu pintava tudo de vermelho. pra mim, o vermelho era a cor mais linda do mundo. e ainda é... algumas coisas não mudam nunca..

gabi disse...

Eu sonhava mais, achava que cinco anos era uma vida, e que quando eu tivesse 10, eu seria tri adulta.
tenho 22 e ainda me acho assim, tao bobinha.

Wenndell A. A. disse...

Quando eu era criança minha avó por parte de mãe falava, em dias, chuvosos, que se eu quisesse que parasse de chover era só ir no quintal e desenhar um sol feliz na terra molhada.
rs...

willa Albuquerque disse...

Eu quero ser criança! ^^

Beijos.
:}

Cláudia I, Vetter disse...

"(...) Nunca a vida foi tão atual como hoje: por um triz é o futuro. (...)" (C.L.)

Com ose sabe...

;)

Rafael Cury disse...

E o mundo que a gente pinta não é mesmo o de verdade?

(marta selva) disse...

acho q vc ainda nao sabe q qnd vc escreve.. vc muda o ceu de diversas maneiras.. e qnd a gnt te lê.. a gnt eh contagiado pelas tuas cores.
;*

ลndreia disse...

Era tão simples, sim... *

Nyh! Marinho. disse...

Quando era criança era tudo tão simples e tão confuso...
Não era muito diferente de agora!Bjão, obrigada pela visita!

Kuriozza disse...

A única diferença entre a criança que fui e a que sou é a responsabilidade que tenho que ter com os adultos que me rodeiam. Os medos e os sonhos são praticamente os mesmos ;)